Velto Silva

Poemas profundos e oriundos.

Textos

Música.
Numa viagem, em um lugar qualquer, me deparo com uma criatura totalmente agitada, fora do eixo e com uma voz alta e irritante, até ai tudo bem se não falasse tanta asneira que ferisse meus tímpanos... dentre tantos absurdos ditos por aquela boca maldita, eis que me sai uma pérola quando disse: "Eu não gosto de música!" Eu não havia entendido muito bem o porque dessa preferência de não gostar de música e pensei que se tratasse apenas de um ritmo, pois qualquer ser humano normal tem as suas preferências musicais onde gosta ou não de alguns ritmos... foi então que eu muito curioso perguntei o porque?
Ela responde: "Não gosto de música nenhuma, não gosto de nenhum ritmo, não gosto de ouvir instrumentos, odeio vozes, cantores, jamais compraria um CD ou um LP quando existia vinil enfim... odeio todas as músicas."
Estava ali na minha frente um ser que havia sofrido uma mutação genética só podia!
Como é que um ser humano passa por toda a sua existência sem gostar de música? Sem gostar de um ritmo? Sem ter um momento do passado ou um momento amoroso do qual uma música lhe fizesse lembrar?
A minha cabeça deu voltas e voltas tentando decifrar aquele ser vazio, aquele corpo oco, onde sua alma se rasteja na mais absoluta escuridão em busca de um alimento chamado música.
Esta mulher é uma morta viva e aquela expressão de carranca denunciava que ela já havia passado por uma vida sem sentido e sua alma clamava por um corpo caliente e cheio de ritmo que apreciasse uma certa dose de ecletismo musical e para que isso acontecesse seria necessário que aquele corpo mórbido e moribundo fosse enterrado debaixo de sete palmos, assim aquela alma penetraria em um corpo merecedor de sua alegria, cheio de ritmo e música.
Música é alegria, música é vida, música é um bálsamo que alivia e massagea nosso ego, portanto só lamento aos que já morreram sem música e esqueceram de enterrar!
#VS Instagram: @veltosilva13
Velto Silva
Enviado por Velto Silva em 16/02/2019
Copyright © 2019. Todos os direitos reservados.
Você não pode copiar, exibir, distribuir, executar, criar obras derivadas nem fazer uso comercial desta obra sem a devida permissão do autor.


Comentários

Site do Escritor criado por Recanto das Letras