Velto Silva

Poemas profundos e oriundos.

Textos

Mulher motoqueira.
O preconceito contra mulheres ainda é algo que está enraizado na cabeça de muitos homens machistas, a prova disso é que hoje peguei um táxi e a nossa frente ia uma mulher pilotando uma moto, seu cabelo era enorme e batia na cintura, logo o taxista a começa a reclamar: “Veja bem a velocidade que essa gaja vai a passos de tartaruga, só podia ser mulher mesmo. Essa gaja tinha de estar em casa a pilotar um fogão.”
Eu disse: “Mas ela está na velocidade certa!
Há uns tempos atrás vi uma pesquisa que as mulheres dirigem melhor do que os homens.”
O taxista me olha e diz: “Velocidade certa? E eu é que tenho que gramar com isto na minha frente? Apetecia-me dar uma trombada nessa mota que num instante essa merda voava daqui. Definitivamente não gosto das mulheres no volante.”
Com muita pressa enfia o pé no volante e ultrapassa a motoqueira, ela joga a moto para a direita e estaciona no Burg King, quando olho para trás vejo uma barba enorme na mulher, na verdade tratava-se de um rapaz motoqueiro que trabalha fazendo entrega de lanches do Burg King.
O taxista murchou e se calou e eu lhe disse: “Viu que é um homem? Ele estava na velocidade certa, mas o senhor disse que ele estava errado e já associou o “erro” ao sexo feminino.”
Ele diz: “Mas deixe as mulheres na cozinha.”
Eu disse que isso era preconceito dele e que fosse rever seus conceitos, mas que seguisse em frente que eu estava atrasado.
Velto Silva
Velto Silva
Enviado por Velto Silva em 19/09/2018
Copyright © 2018. Todos os direitos reservados.
Você não pode copiar, exibir, distribuir, executar, criar obras derivadas nem fazer uso comercial desta obra sem a devida permissão do autor.


Comentários

Site do Escritor criado por Recanto das Letras